Teologia em crônicas

ENQUANTO MUITOS TEÓLOGOS BRASILEIROS buscam criar uma teologia tupiniquim, talvez motivados pelo desconstrucionismo e descolonização – Deus me livre entrar nessa furada! -, cismei com outra ideia: por que não “teologar” em forma de crônica? A crônica é tão brasileira. Vai que dá certo mesmo sem o talento de um Veríssimo, Jabor ou Lispector… por que não? Posso muito bem me valer daquela máxima da cultura evangélica sobre “capacitados e escolhidos” – quem ler entenda – e que ninguém me julgue! Continuar lendo →